Terça, 26 de maio de 202026/5/2020
ECONOMIA
Preço do boi gordo retrai e setor produtivo associa ao novo coronavírus
Quanto ao mercado físico, a publicação informa que “o Indicador Esalq/BM&F para o boi gordo em 31/03 foi cotado a R$ 203,15
Redação Ivinhema - MS
Postada em 02/04/2020 ás 17h15
Preço do boi gordo retrai e setor produtivo associa ao novo coronavírus

Boletim Casa Rural divulgado pela Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) revela que houve retração no preço do boi gordo em março e sugere possível relação com o temor causado pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), doença que já matou mais de 40 mil pessoas no mundo.


Conforme a publicação, no final de março a arroba do boi gordo foi cotada a R$ 183,33, alta de 4,02% frente aos R$ 176,25 do dia 23, porém, 1,46% inferior ao valor do início do mesmo mês, R$ 186,04 no dia 2.


Já a arroba da vaca, embora tenha subido de R$ 161,88 no dia 23 para R$ 165,83 no final de março, valorização de 2,44%, teve queda de 3,16% no comparativo com o dia 2, quando era comercializada a R$ 171,25.


Mesmo assim, a entidade mostra que o preço médio da arroba do boi no mês passado em Mato Grosso do Sul foi R$ 185,17 e o da vaca de R$ 169,42, valorização de 30,82% e 30,60%, respectivamente, no comparativo com igual período de 2019.


A Famasul acrescenta que no fechamento de 31 de março “os valores da arroba na Bolsa de Mercadorias e Futuro, B3 S.A. (BVMF3), retraíram: no contrato de abril de 2020 houve queda de 2,06% em relação ao dia 30/03 e finalizou o mês a R$ 194,90/@”.


“Os contratos de maio e outubro de 2020 desvalorizaram 3,71% e 4,01%, respectivamente”, detalha a publicação, acrescentando que “a explicação para queda repentina pode ser as especulações que se criaram a partir de uma possível interferência da pandemia do novo coronavirus na habilitação de frigoríficos pela China, informação não confirmada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento ( MAPA)”.


Quanto ao mercado físico, a publicação informa que “o Indicador Esalq/BM&F para o boi gordo em 31/03 foi cotado a R$ 203,15/@”, o que indica “recuperação de 0,32% em relação ao dia 30/03”. “No comparativo com igual período de 2019, houve valorização de 29,35% quando a arroba havia sido cotada a R$ 157,05”, finaliza.

FONTE: Nova Notícias
tags:
• MS
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium